Publicado por: Paulo Fragoso | 20/01/2010

10.25h…outra vez

Viver é uma corrida contra o tempo. Basta olharmos à nossa volta para o sentir. Poucos são os momentos em que parece que o mundo pára, que nada mais há a não ser aquele flash que regista para todo o sempre aquele minuto, aquele segundo. Aqueles momentos que temos a certeza de que são para todo o sempre, que nos fazem agradecer a toda a hora o termos presenciado, o termos sido testemunhas. Porque são únicos, porque são mágicos e porque trazem vida à nossa própria vida. Vivi um desses momentos há 10 anos. Foi a 24 de Janeiro. Ver nascer um filho é algo que não se explica, sente-se. E guarda-se eternamente e ternamente a imagem daquele ser que salta do ventre que o carregou largos meses, para as mãos daquela parteira que o ampara e o dá de volta à mãe por breves instantes. Um toma-lá-dá-cá que mais parecia um jogo do empurra, com o meu João como joguete. Foi aqui que o mundo parou para mim. Eram 10.25 da manhã. Eu estava lá e vi-o chegar. Foi a hora mais bonita e intensa que vivi nos meus quase 40 anos de vida. Só peço a Deus que me ajude a preservar esta imagem até ao meu último suspiro.

Anúncios

Responses

  1. Momentos… São a essência da vida! São eles que nos preenchem, que nos moldam, que nos ensinam!Há aqueles que passam por nós e que não deixam saudade!E depois há os outros… Aqueles que até parece que esperámos uma vida para os viver e que alteram o rumo da nossa vida para sempre. Momentos únicos e marcantes que nos fazem ter outra precepção da vida… Emocionamo-nos, choramos, revoltamo-nos com situações que antes quase nos passavam ao lado…Mas enquanto não chegam os dias de preocupações maiores e anseios, prefiro recordar o “momento em que naquele Domingo, às 07.07 te colocaram junto de mim e com o teu pai ao meu lado te olhávamos e esperámos o teu primeiro choro.Já não importavam as dores,o cansaço, já nada importava, só tu, Raquel”
    Também eu peço a Deus que não me leve tão maravilhosa lembrança, Paulo… Como o compreendo!!!!!!!

  2. Que essas 10,25h de 24 de Janeiro se repitam em conjunto por muitos anos.

  3. Olá
    Também “tenho” 1 João que nasceu à praticamente 8 semanas e por muito que tente explicar aos meus amigos a sensação de o ter visto nascer as palavras ficam à quem desse sentimento tão especial.
    Ao ler a sua descrição não poderia estar mais de acordo, até fiquei com alguma emoção visto a minha experiência ainda estar bem viva na minha memória.
    Já agora gosto muito do seu trabalho. Felicidades
    Abraço MS

  4. Só te posso dizer que…mais uma vez me arrapiaste dos pés à cabeça. Tens um coração LINDO!

  5. Há momentos que queremos preservados até ao fim das nossas vidas! pela sua intensidade, pela imensa alegria que nos causaram, pela lembrança que nos deixam queremo-los eternos nas nossas memórias!

    Ousamos lembra-los passo a passo e as sensações surgem como se os vivenciássemos uma segunda vez e, enfim, concluímos que a vida vale a pena e faz sentido!

    bjinho*

  6. Há momentos que realmente valem uma vida inteira. Momentos que marcam e o nascimento de um filho deve ser um daqueles momentos únicos, mas tão únicos que nao há palavras que o descrevam.

    Bj


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: